“Vamos interpor uma ação judicial contra a Airbus”, afirmou o Ministério da Defesa da Áustria às agências noticiosas AFP e Efe.

O processo contra a Airbus Defesa e Espaço, a antiga EADS, surge na sequência de uma investigação do governo, iniciada em 2012, sobre práticas corruptas no contrato de compra, em 2003, por parte da Áustria de 15 caças avaliados em 1,7 mil milhões de euros.

Michael Bauer, porta-voz do Ministério da Defesa da Áustria, disse à agência AFP que as conclusões dessa investigação vão ser apresentadas na manhã de hoje.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.