A audição de Eduardo Cabrita deverá acontecer na Comissão Parlamentar de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias, que está a organizar uma série de visitas e uma conferência sobre o assunto.

Na reunião da comissão, hoje de manhã, o PSD juntou a audição do titular da pasta da Administração Interna à da ministra da Justiça, já decidida, e, à tarde, o Bloco entregou o requerimento.

O PS apoia o pedido para que Eduardo Cabrita vá dar esclarecimentos aos deputados.

Visitas ao Estabelecimento Prisional de Lisboa e de Santa Cruz do Bispo, em Matosinhos, e audições à Provedora de Justiça estão também nos planos dos deputados da comissão.

No texto do requerimento, o BE sublinha a “preocupante constatação” de Portugal figurar no relatório do Conselho da Europa como país onde “existem abusos e violência” por parte de agentes das polícias, o que justifica a audição do ministro.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.