A briga começou antes do jogo entre Flamengo e Botafogo pelo “Campeonato Carioca” e envolveu adeptos das duas equipas.

Testemunhas disseram que várias pessoas dispararam de dentro de um carro e o adepto do Botafogo, Diego Silva dos Santos, de 28 anos, que estava com dois amigos na frente da ala norte do estádio, acabou atingido com um tiro no peito.

A vítima foi transportada ao hospital, mas morreu horas mais tarde.

O Botafogo emitiu uma nota de pesar confirmando o ocorrido e destacando ainda que “toda a violência que cercou o clássico [jogo com o Flamengo], deixando feridos e prejuízo, é repudiada pelo Botafogo”.

“Para o clube, futebol começa com paz nos estádios e segurança para os torcedores. O clima de insegurança e medo não pode jamais combinar” com o desporto, completou.

Apesar do confronto, a partida de futebol foi realizada e o Flamengo venceu o Botafogo por 2 a 1.

Com o resultado, o Flamengo classificou-se para as semifinais do campeonato regional do Rio de Janeiro.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.