A coordenadora do BE, Catarina Martins, assumiu hoje que o partido "teve um mau resultado" nas eleições regionais da Madeira e falhou o objetivo de eleger, lamentando que permaneça na região uma maioria de direita.

"O BE hoje teve um mau resultado, não alcançou a representação parlamentar e portanto falhámos o nosso objetivo", admitiu Catarina Martins, em conferência de imprensa na sede nacional do BE, em Lisboa.

A coordenadora do BE apontou a "enorme bipolarização" destas eleições e lamentou que se continue "com uma maioria de direita na Madeira".

O BE perdeu hoje os dois deputados que tinha conseguido conquistar em 2015 e deixou de ter representação parlamentar na Assembleia Legislativa da Madeira, perdendo 2.361 votos em relação às últimas eleições regionais, numas eleições que o PSD venceu hoje com 39,42% dos votos, mas perdeu, pela primeira vez, a maioria absoluta.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.