A base das Lajes, na ilha Terceira, nos Açores, foi certificada no início da semana para utilização permanente pela aviação civil, passando a designar-se como aeroporto internacional, na sequência de um processo que demorou dois anos.

“A certificação como aeroporto civil significa que o aeroporto das Lajes pode ser usado mais e aproveitado mais para a aviação civil internacional”, comentou hoje Augusto Santos Silva, à margem de uma reunião do Fórum da Cooperação para o Desenvolvimento, em Lisboa.

Segundo o governante, a medida “não tem nenhuma consequência em termos de limitação do ponto de vista do uso militar da base, quer pela Força Aérea portuguesa quer pela Força Aérea norte-americana”.

A certificação “acrescenta novas oportunidades do ponto de vista do tráfego aéreo e portanto é um estímulo mais para o turismo na ilha Terceira”.

O processo de certificação iniciou-se a 27 de julho de 2016, com a assinatura de um protocolo entre Governo da República e o Governo Regional dos Açores, que previa a sua conclusão no espaço de dois anos.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.