"Temos um depósito [de combustível] próprio que serve os serviços Municipalizados de Água, Saneamento e Resíduos Urbanos (SMCB) e a Câmara Municipal. Neste momento, ainda há reserva no depósito", afirmou Luís Correia à agência Lusa.

O autarca e presidente do Conselho de Administração dos SMCB garantiu que a recolha de lixo irá decorrer com toda a normalidade no período da Páscoa e que as reservas de combustível garantem o normal funcionamento dos serviços até à próxima semana.

"Há reserva [de combustível], pelo menos, até à próxima semana", sustentou.

Luís Correia sublinhou ainda que só quando terminar a reserva de combustível da autarquia e dos SMCB é que poderá ser colocada em causa a recolha de lixo.

"Há o risco de terminar [o combustível] no depósito e não haver capacidade para o reabastecer", concluiu.

A greve dos motoristas de matérias perigosas, que começou às 00:00 de segunda-feira, foi convocada pelo Sindicato Nacional de Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP), por tempo indeterminado, para reivindicar o reconhecimento da categoria profissional específica.

Na terça-feira, gerou-se uma corrida aos postos de abastecimento de combustíveis, provocando o caos nas vias de trânsito.

A Associação Portuguesa de Empresas Petrolíferas (Apetro) informou hoje que não foi ainda retomado o abastecimento dos postos de combustível, apesar da requisição civil, e que já há marcas "praticamente" com a rede esgotada.

O primeiro-ministro admitiu hoje alargar os serviços mínimos e adiantou que o abastecimento de combustível está "inteiramente assegurado" para aeroportos, forças de segurança e emergência.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.