O arranque da iniciativa aconteceu na quarta-feira, no Polidesportivo Municipal da Lourinhã, e ofereceu kits escolares a uma turma do 4.º ano dos 12 municípios da região Oeste.

Em nota de imprensa, a Comunidade Intermunicipal do Oeste informa que, no total, pretende oferecer - em parceria com a ERP Portugal e a Novo Verde - cerca de 4.000 kits.

Cada kit é composto por uma mochila, um lápis de carvão, um depositrão para pilhas, uma caderneta de cromos - que promove o território e o conhecimento sobre a Região Oeste - e um cantil - que tem o propósito de estimular a redução do consumo de garrafas de plástico e incentivar à reutilização.

O Presidente da OesteCIM, Pedro Folgado, salientou que este este kit escolar "ensina não só como fazer a reciclagem, mas também a perceber e a conhecer a Região do Oeste", ideia que é reforçada pelo Secretário da Comunidade Intermunicipal do Oeste, Paulo Simões, que lembrou o "investimento [da OesteCIM] na educação ambiental".

Em declarações ao SAPO 24, o Secretariado da OesteCIM, composto por Paulo Simões e Pedro Afonso, destaca que o arranque deste projeto pretende ser uma "referência nacional em matéria de educação ambiental, temática que deverá ser uma prioridade para que Portugal consiga atingir as metas de 2020".

O mesmo órgão destaca também a relevância do projeto num mundo que se depara com questões ambientais "como a poluição atmosférica, o efeito de estufa e a destruição da camada de ozono", e cuja adoção de boas práticas ambientais nas escolas é fundamental para promover "a educação para a economia circular e consequente reutilização e reciclagem de resíduos, assegurando o bem-estar das gerações futuras".

Quando questionado sobre de que forma esta iniciativa permitirá uma maior participação dos alunos na resolução de problemas da região, o Secretariado da Oeste CIM refere que "através dos kits de educação ambiental distribuídos aos alunos do Oeste, a OesteCIM, em parceria com a ERP e a Novo Verde, estará a dar aos mais jovens as ferramentas para potenciar uma mudança de hábitos" e destaca a importância de iniciar a mudança de comportamentos na idade jovem, salientando que os jovens são "veículos de transmissão da mensagem e dos comportamentos".

Na cerimónia, houve ainda espaço para uma peça de teatro, intitulada “Em busca do Depositrão perdido", no âmbito do incentivo às boas práticas ambientais.

A par da iniciativa dos kits escolares, até abril decorre o concurso de empreendedorismo das escolas em toda a região Oeste.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.