Nos túneis Karawanken e Loibl, na fronteira entre a Eslovénia e a Áustria, formaram-se filas de carros de vários quilómetros devido ao regresso de férias, afetando também turistas alemães e holandeses.

Esta manhã havia ainda sete quilómetros de engarrafamento e três horas de espera na entrada do túnel Karawanken, enquanto no túnel Loibl foi preciso esperar cinco horas, até que uma decisão das autoridades locais para facilitar os controlos durante o dia de hoje desbloqueou a situação, que está a voltar ao normal.

Desde sábado, todos os carros que entram na Áustria vindos de Eslovénia são obrigados a parar para registar todos os passageiros.

A Áustria tem registado um aumento de contágios pelo novo coronavírus, com um terço dos turistas que regressaram no último mês da Croácia, no sul da Eslovénia, a testarem positivo.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.