No mesmo período, segundo as autoridades de Saúde locais, morreram 12 pessoas, elevando o total de óbitos para 593.

O registo de casos do novo coronavírus na Grécia subiu também para 32.752, acrescentaram as fontes, adiantando que, nas últimas 24 horas foram realizados cerca de 25.000 testes de diagnóstico ao novo coronavírus.

Os especialistas estavam há dias a indicar ser previsível esta semana a Grécia superar os mil casos diários e que os números não irão baixar se não se tornarem efetivas as medidas restritivas aprovadas na semana passada em algumas regiões, incluindo a região de Ática onde está a capital, e a de Salónica, as duas maiores do país, onde reside mais de metade dos 10 milhões de habitantes do país.

As duas regiões estão em alerta laranja, o que obriga ao encerramento de cafés, restaurantes e bares à meia-noite, à proibição de sair à rua entre as 00:30 e as 05:00 locais e ao uso de máscara.

Alguns especialistas afirmam, porém, que as medidas são “demasiado frouxas” e que será necessário adiantar o encerramento da restauração e dos locais de divertimento, assim como respeitar o recolher obrigatório.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 1,1 milhões de mortos e mais de 43,5 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 2.371 pessoas dos 124.432 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.