“Somos o último país europeu que registou um ‘primeiro caso’ da covid-19 e o primeiro que conseguiu erradicar o vírus!”, declarou em comunicado oficial o ministro da Saúde, Kenan Hrapovic.

Segundo o Instituto de saúde pública montenegrino, este pequeno país do Adriático de 650.000 habitantes não regista um novo contágio por coronavírus desde 4 de maio, com um total de 324 casos contabilizados desde a deteção do primeiro, em 17 de março.

No domingo foram examinadas 140 pessoas e sem resultados positivos, com as autoridades e concluírem que neste momento, no país, “não existe nenhum caso ativo de infeção” pelo coronavírus.

O Instituto de saúde anunciou que caso a ausência de novos contágios se prolongue durante num período de 28 dias, o Montenegro proclamará oficialmente o fim da epidemia em 02 de junho.

Hrapovic agradeceu ao médicos e pessoal sanitário, e ainda à população, pelo seu comportamento que facilitou esta evolução favorável.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou quase 345 mil mortos e infetou mais de 5,4 milhões de pessoas em 196 países e territórios.

Mais de 2,1 milhões de doentes foram considerados curados.

Os Estados Unidos são o país com mais mortos (97.722) e mais casos de infeção confirmados (mais de 1,6 milhões).

Seguem-se o Reino Unido (36.793 mortos, mais de 259 mil casos), Itália (32.785 mortos, mais de 229 mil casos), Espanha (28.752 mortos, mais de 235 mil casos) e França (28.367 mortos, mais de 182.500 casos).

O Brasil, com mais de 22 mil mortos e 363 mil casos, é o segundo país do mundo em número de infeções, enquanto a Rússia, que contabiliza 3.633 mortos, é o terceiro, com mais de 353 mil.

Por regiões, a Europa soma mais de 174 mil mortos (mais de dois milhões de casos), Estados Unidos e Canadá mais de 104 mil mortos (mais de 1,7 milhões de casos), América Latina e Caribe mais de 40.150 mortos (mais de 743 mil casos), Ásia mais de 14.200 mortos (mais de 454 mil casos), Médio Oriente mais de 8.800 mortos (mais de 345 mil casos), África mais de 3.300 mortos (mais de 111 mil casos) e Oceânia com 130 mortos (mais de 8.450 casos).

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.