Portugal receberá 6,9 milhões de vacinas, como parte do lote de 300 milhões de vacinas reservado pela União Europeia a um laboratório francês, apurou a TSF.

A Autoridade Nacional do Medicamento explica à TSF que há negociações em curso com outros laboratórios.

A encomenda será acionada a partir do momento em que exista uma vacina segura e eficaz contra a Covid-19. A primeira remessa pode chegar já em dezembro, confirmou o Infarmed à rádio.

A Comissão Europeia anunciou na passada sexta-feira um primeiro acordo com a farmacêutica AstraZeneca para a compra de 300 milhões de doses de uma potencial vacina contra a covid-19, com uma opção de mais 100 milhões em nome dos Estados-membros.

O acordo será financiado com o Instrumento de Apoio de Emergência, que dispõe de fundos dedicados à criação de uma carteira de potenciais vacinas com diferentes perfis e produzidas por diferentes empresas.

A candidata a vacina da AstraZeneca já se encontra na Fase II/III de ensaios clínicos em larga escala, após resultados promissores na Fase I/II no que diz respeito à segurança e imunogenicidade.

A biofarmacêutica está presente em Portugal.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.