Segundo Vítor Hugo Salgado, as análises vão começar a ser efetuadas na sexta-feira e prosseguirão na segunda-feira, a cargo de um laboratório contratado pelo município.

Além dos idosos, todo o pessoal auxiliar e de saúde dos lares será abrangido pela medida.

O autarca acrescentou que, na próxima semana, avançarão também análises junto dos agentes da proteção civil, incluindo bombeiros do corpo efetivo da cidade, militares da GNR e profissionais (médicos e enfermeiros) que trabalham nas duas unidades de saúde familiar daquele concelho do distrito de Braga.

Prevê-se que esta ação de grande envergadura alcance cerca de 600 pessoas, representando um investimento de 50 mil euros, assegurado pela câmara municipal.

O trabalho vai ser articulado com as autoridades locais e nacionais de saúde, assinalou, referindo que os dados serão comunicados pelos canais indicados pela tutela.

Vítor Hugo Salgado disse à Lusa esperar que esta campanha no concelho ajude a prevenir o contágio de Covid-19, nomeadamente junto dos escalões etários mais vulneráveis, como os idosos, e as pessoas que têm de contactar com situações de risco, como os profissionais de saúde e os agentes de proteção civil.

Neste momento, disse o autarca, o concelho tem quatro pessoas infetadas por Covid-19.

Em Portugal, a pandemia de Covid-19 já causou 43 mortes, mais 10 do que na véspera (+30,3%), e há 2.995 infeções confirmadas, segundo o balanço feito hoje pela Direção-Geral da Saúde, que regista 633 novos casos em relação a terça-feira (+26,8%).

Dos infetados, 276 estão internados, 61 dos quais em unidades de cuidados intensivos, e há 22 doentes que já recuperaram.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.