Esqueletos bem conservados do animal, batizado "Ambolestes Zhoui" e semelhante à sarigueia, foram encontrados na localidade de Yixian, na província da Mongólia Interior, no norte da China, divulgou a agência Xinhua.

Segundo o chefe da equipa, Bi Shudong, da Universidade de Yunnan, o animal contemporâneo de várias espécies de dinossauros terá vivido há cerca de 126 milhões de anos, durante o período mesozoico, quando os mamíferos ainda não se tinham dividido em marsupiais e placentários, dependendo da maneira como as suas crias se desenvolvem.

No estudo publicado na revista Nature, alega-se que o animal ainda não era completamente marsupial, pelo que os antepassados mais antigos deste ramo dos mamíferos se encontram na América do Norte, desde há 110 milhões de anos.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.