“Por volta das 06:40, um grupo de manifestantes atirou estrume de um camião para a frente de um edifício”, em Kensington, disse a polícia. “Subiram a um andaime no exterior do edifício e colocaram bandeirolas”.

Um pouco mais tarde, a polícia prendeu uma sexta pessoa, um homem de 54 anos de idade, que tentou despejar estrume na frente de outro edifício no centro da capital britânica.

Numa declaração, a Extinction Rebellion disse ter deitado fora sete toneladas de estrume de cavalo à entrada do grupo proprietário do Daily Mail, como parte de um dia de protesto para “libertar a imprensa”.

O grupo deplora o facto de a imprensa ser maioritariamente controlada por “quatro bilionários” no Reino Unido e acusa-a de não relatar devidamente a crise climática.

Também foi realizado um protesto no centro de Londres durante a tarde.

Em setembro de 2020, os ativistas da Extinction Rebellion bloquearam as instalações de impressão, perturbando a distribuição de jornais.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.