Segundo a PJ, “o fogo terá sido provocado com recurso a chama direta, através de isqueiro, em locais de manchas florestais muito significativas, colocando ainda em perigo aglomerados populacionais e outras infraestruturas, consumindo uma área de cerca de 280 hectares”.

O detido, de 38 anos, desempregado e sem antecedentes criminais, vai ser presente à autoridade judiciária para primeiro interrogatório e aplicação das medidas de coação, lê-se num comunicado policial.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.