“Todos os meses cerca de um milhão de passageiros utiliza a Estação Ferroviária de São Bento como ponto de partida e chegada nas suas deslocações, seja em trabalho, seja em viagens de lazer ou não fosse a cidade do Porto um dos principais destinos turísticos do país”, afirmou a Infraestruturas de Portugal (IP) em comunicado à Lusa.

Da autoria do arquiteto José Marques da Silva, a estação ferroviária veio substituir um barracão de madeira, inaugurado em 1896, e resolver o descontentamento da população do Porto que exigia uma estação central “digna da cidade”, explicou.

Este edifício, um dos principais monumentos da cidade, é célebre pelos seus painéis de azulejo, da autoria de Jorge Colaço, que representam uma cronologia dos meios de transporte utilizados pelo homem, mitos e quadros da história de Portugal, cenas de trabalho campestre e costumes etnográficos.

Em 2010 e 2011, a IP - à data REFER – restaurou o revestimento azulejar do átrio, uma intervenção distinguida com o “Prémio SOS Azulejo 2013” e “Prémio Brunel 2014”, na categoria Estações, atribuído pelo Grupo Watford.

Inserida no Centro Histórico do Porto, classificado como Monumento Nacional, a estação ferroviária está ainda abrangida pela zona de proteção da Muralha de D. Fernando e respetivo Miradouro, com a mesma categorização.

“É daqui que parte o serviço urbano de transporte ferroviário de passageiros da área do Grande Porto e regiões limítrofes, os serviços regional e turístico de passageiros entre o Porto e o Pocinho, da Linha do Douro e a ligação internacional a Vigo, através da Linha do Minho. Também aqui é o ponto de partida para os serviços regionais de passageiros entre o Porto e Braga e entre o Porto e Guimarães”, salientou a IP.

A Cerimónia do Centenário da Estação de São Bento conta, hoje à tarde, com a presença do ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, do presidente do Conselho de Administração Executivo da IP, António Laranjo, e do autarca do Porto, Rui Moreira.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.