Numa carta dirigida ao Presidente norte-americano, Donald Trump, Tarullo indicou que quer cessar funções “por volta do dia 05 de abril”.

A saída de Tarullo abre caminho à escolha por Trump de um responsável para a supervisão em linha com as posições que tem defendido de atenuar as medidas de regulação aprovadas depois da crise financeira de 2008.

Já há atualmente dois lugares por preencher na Fed, dado que o Congresso recusou confirmar dois nomes indicados pelo anterior Presidente, Barack Obama, que deixou a Casa Branca no passado dia 20.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.