A polícia europeia associou-se nos passados dias 25 e 26 de abril às polícias nacionais da Bélgica, Grécia, Polónia, Portugal e dos Estados Unidos na identificação e remoção de conteúdos terroristas e de extremismo violento da Internet, de acordo com um comunicado divulgado no seu portal online.

As equipas juntaram-se na sede da Europol em Haia e atuaram a partir daí contra diversas contas online utilizadas por grupos terroristas para ações de radicalização, recrutamento ou instrução de atividades terroristas.

Em resultado da operação, 2068 conteúdos em 6 línguas foram identificados com o objetivo da respetiva remoção em 52 plataformas na Internet.

Esta operação conjunta foi direcionada sobretudo contra a produção online de material terrorista associado ao grupo radical Estado Islâmico e à Al-Qaeda e respetivos grupos afiliados. Entre os itens identificados constam vídeos de propaganda, publicações e manifestações várias de apoio ao terrorismo e extremismo.

De acordo com a Europol, os esforços dos operadores de Internet para eliminar “conteúdos inapropriados” levaram os grupos terroristas a utilizar simultaneamente “múltiplas plataformas” para promoverem as suas atividades ilegais e “incitarem à violência”.

Os terroristas têm, em consequência, procurado sistematicamente novos servidores digitais para garantir que as suas mensagens cheguem a seguidores potenciais, manifestando um “interesse crescente” por plataformas que não requerem qualquer tipo de identificação.

A operação identificou ainda uma nova plataforma aparentemente “montada” pelos próprios terroristas para difundirem a sua propaganda e financiarem as respetivas atividades.

A eliminação definitiva destes materiais dependerá dos donos dos servidores de Internet, configurando-se como uma “atividade voluntária” por parte dos mesmos, “de acordo com os seus próprios termos e condições”, conclui o comunicado da Europol.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.