Da atual lista já fazem parte Brasil, Argentina, Chile, África do Sul e Índia, países de onde são originárias algumas das variantes da doença covid-19. Também os passageiros originários da Guiana francesa são obrigados a fazer quarentena devido à fronteira com o Brasil.

A partir de sábado, segundo a agência France-Presse, vão juntar-se a esta lista a Turquia, Bangladesh, Sri Lanka, Paquistão, Nepal, Emirados Árabes Unidos e Qatar.

Os indicadores da pandemia continuam a baixar em França, havendo agora 26.331 pessoas internadas devido à covid-19 e 5.106 pacientes estão em estado grave, menos 125 do que na véspera.

Desde quinta-feira morreram em França 251 pessoas devido ao vírus, elevando assim o total de vítimas mortais para 106.101.

Ainda nas últimas 24 horas houve 19.124 novos casos registados.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.