A 14ª edição edição do Prémio Atores de Cinema da Fundação GDA volta a prestar homenagem ao trabalho de interpretação dos atores portugueses.

O Prémio Atores de Cinema da Fundação GDA compreende três categorias: Melhor Ator/Atriz Principal, Melhor Ator/Atriz Secundário(a) e Novo Talento, às quais correspondem prémios pecuniários no valor de 3.000 euros, 2.000 euros e 1.000 euros, respetivamente.

Este ano a cerimónia de entrega dos prémios, que terá lugar no dia 7 de dezembro no Teatro da Trindade, em Lisboa, será apresentada pelo ator Pedro Inês.

O prémio, que já distinguiu nomes como Anabela Moreira, Ivo Canelas ou Nuno Lopes, trata-se de um reconhecimento entre pares: são prémios de interpretação atribuídos a atores por atores.

Almeno Gonçalves, Luísa Cruz e Teresa Faria são os jurados que integram o painel desta edição, cabendo-lhes avaliar a interpretação dos colegas nas obras analisadas: longas-metragens portuguesas, de ficção, estreadas comercialmente em sala entre 1 de janeiro e 31 de dezembro do ano de 2020.

A cerimónia será antecedida pelas “Jornadas para o Ator”, composta por ações de aproximação ao mundo audiovisual e por uma sessão da iniciativa #makethemost – Fundos Europeus para as Artes e a Cultura, explicando como é que os atores, realizadores e produtores se podem candidatar aos apoios disponíveis, num dia dedicado exclusivamente ao trabalho e ao mérito artístico dos atores e das atrizes portuguesas.

“Esta sessão do #makethemost pode ser também uma oportunidade para os artistas que, devido à pandemia da Covid-19, foram forçados a interromper a sua atividade artística, recorrerem agora a financiamentos europeus para retomarem as suas atividades”, afirma Mário Carneiro, diretor-geral da Fundação GDA.

As “Jornadas para o Ator” iniciam-se com duas mesas redondas a decorrer em simultâneo. Uma orientada por atores – Alexandra Lencastre, Ângela Pinto e Virgílio Castelo – e outra por realizadores – Cláudia Varejão, João Maia e Margarida Gil.

Nesses “Encontros com a Experiência", das 11h30 às 13h00, "os realizadores e os atores com vários anos de experiência irão partilhar o seu conhecimento do mundo do cinema e da televisão com jovens artistas e recém-licenciados da área do teatro", explica a GDA, entidade que em Portugal gere os direitos de propriedade intelectual de músicos, atores e bailarinos, em comunicado.

Ao contrário da sessão do #makethemost, de entrada livre, as inscrições para as “Jornadas para o Ator” devem ser feitas aqui.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.