A apreensão dos 2.300 quilos de amêijoa, pela Unidade de Controlo Costeiro, através do Destacamento de Matosinhos, foi efetuada na quinta-feira, “nas imediações da cidade de Viana do Castelo, devido a desconformidades com a documentação de transporte e por não estarem garantidas as condições higiossanitárias”.

“A amêijoa, de diferentes espécies, encontrava-se a ser transportada na mesma viatura, havendo o risco de contaminação com toxinas, colocando em causa a saúde pública”, sustenta a nota da Guarda Nacional Republicana.

Segundo aquela força policial, durante aquela ação foi identificado um homem com 25 anos, sendo elaborado o respetivo auto de notícia.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.