Em comunicado, a GNR refere que entre os dias 11 e 17 intensificou a fiscalização no âmbito da condução de veículos sob o efeito do álcool e de substâncias psicotrópicas, tendo submetido 27.059 condutores ao teste de alcoolemia, dos quais 491 foram apanhados com excessos de álcool e 178 com uma taxa igual ou superior a 1,2 g/l, um crime que pode ser punido até um ano de prisão.

Dos 105 condutores sujeitos ao teste de substâncias psicotrópicas, três deram resultados positivos.

Os mais de três mil militares da GNR efetuaram também 99.926 controlos de velocidade, tendo detetado 2.311 em excesso de velocidade e 53 pessoas a conduzir sem habilitação legal.

A operação “Alcohol and Drugs” foi realizada no âmbito da European Traffic Police Network (TISPOL), organismo que congrega todas as polícias de trânsito da Europa, no qual a GNR é a representante nacional.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.