Estas infrações deveram-se a excesso de velocidade, uso de telemóvel e falta de iluminação, adiantou à Lusa o comandante do Destacamento de Trânsito de Vila Real, capitão Micael Lopes.

Nestas duas ações, dia 22 e 26 de dezembro, estiveram envolvidos 16 militares, 10 portugueses e seis espanhóis, com o objetivo de prevenir a sinistralidade rodoviária e ajudar os emigrantes a viajar com segurança na quadra natalícia, frisou.

Micael Lopes revelou que esta operação conjunta se vai repetir a 02 de janeiro, dia em que se prevê o regresso de muitos emigrantes.

A prioridade dos militares é prevenir a sinistralidade rodoviária, garantir a fluidez do tráfego e apoiar todos os utentes das vias, acrescentou.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.