"O Natal é um momento de encontro das famílias, muita gente não trabalha no local onde tem as famílias, por isso é natural que haja deslocações e optou-se por fazer a tolerância de ponto dia 26", afirmou António Costa aos jornalistas.

O primeiro-ministro adiantou que não existe essa necessidade em relação à passagem do ano.

"Se todos tivermos a moderação devida, vamos estar no dia 02 em boas condições para trabalhar", disse.

O primeiro-ministro falava à margem da visita às obras de ampliação da Escola EB2,3 da Venda do Pinheiro, no concelho de Mafra.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.