A plataforma afirmou que retirou o episódio do programa "Patriot Act with Hasan Minhaj" para responder a uma "solicitação legal" das autoridades sauditas, que exigiram da Netflix o cumprimento da legislação local sobre crimes digitais.

"Claramente, a melhor forma de evitar que as personas assistam alguma coisa é eliminá-la, transformá-la em uma tendência na Internet e deixar no YouTube", ironizou Hasan Minhaj em sua conta no Twitter.

O conteúdo do episódio, originalmente publicado online em outubro, ainda estava disponível no YouTube na quarta-feira, assim como nas plataformas da Netflix fora da Arábia Saudita.

De acordo com dados do site Social Blade, o programa da plataforma foi visitado no YouTube mais de 200 mil vezes somente na quarta-feira e 9,1 milhões desde a sua criação.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.