O novo primeiro-ministro francês é Jean Castex, responsável por organizar o fim do confinamento em França, escolhido pelo Presidente Emmanuel Macron para suceder a Édouard Philippe.

Próximos dos Presidente já tinham comentado à imprensa francesa no início de junho, altura em que cessou as suas funções temporárias de "Senhor Desconfinamento", como é muitas vezes referido, que Castex podia ser "o que quisesse" numa possível remodelação governamental.

Jean Castex tem 55 anos e era até agora autarca da cidade de Prades, no sul de França, junto à fronteira espanhola. O novo primeiro-ministro pertencia até agora ao partido de direita Les Republicains.

Esta nomeação acontece após o primeiro-ministro francês, Edouard Philippe, ter pedido a demissão e a renúncia do Governo foi aceite pelo presidente francês, Emmanuel Macron, ao inicio da manhã.

Macron, aliás, já tinha anunciado "uma equipa nova" para seguir um "novo caminho" para a última parte do seu mandato até às eleições presidenciais de 2022.

A remodelação adivinha-se assim de grande amplitude e acontece depois de vários encontros do Presidente com figuras de destaque como os seus predecessores, Nicolas Sarkozy e François Hollande, mas também com autarcas e ainda os líderes da Assembleia Nacional e do Senado, assim como o presidente do Conselho Económico, Social e Ambiental.

Para substituir as várias baixas, o Presidente terá em mente perfis próximos da esquerda, nomeadamente personalidade envolvidas nos combates ecológicos e também tentará trazer mais mulheres com papéis de maior destaque para o Executivo.

A mudança de Governo era esperada após a segunda volta das eleições municipais de 28 de junho, marcada por uma forte abstenção, um revés para o partido presidencial e um impulso dos ecologistas nos centros urbanos.

Edouard Philippe, primeiro-ministro mais popular que Emmanuel Macron, de acordo com as sondagens, chegou da direita e nunca se juntou ao partido República em Marcha, do Presidente Macron.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.