“Pedimos desculpas a todos [vítimas], faremos o impossível para que eles possam saber a verdade sobre o que aconteceu, vamos assumir a responsabilidade que recai sobre nós”, disse Rodrigo Londono, conhecido como ‘Tymoshenko’.

As declarações de Londono aconteceram no final do primeiro dia do julgamento dos ex-líderes das FARC, previsto pelo acordo de paz concluído com o Governo, em 2016.

Desde então, as FARC converteram-se num partido político, mantendo a mesma sigla.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.