Abbas referiu ter enviado condolências à primeira-ministra britânica, Theresa May, ao povo britânico e às famílias das vítimas.

O líder palestiniano e Donald Trump iniciaram as suas declarações aos ‘media’ com uma condenação do ataque.

Pelo menos 22 pessoas morreram, além do atacante, e 59 ficaram feridas no atentado na Arena de Manchester, no norte da Inglaterra, na segunda-feira, no final de um concerto da cantora Ariana Grande, segundo o balanço mais recente da polícia.

O atentado foi reivindicado pelo grupo extremista Estado Islâmico.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.