Segundo fonte da Câmara de Lisboa, a Ribeira das Naus, na zona ribeirinha, esteve fechada nos dois sentidos das 15:00 às 17:30 e, depois dessa hora, apenas ficou interditado o sentido Cais do Sodré – Santa Apolónia.

Previa-se que esta via fosse reaberta depois das 18:00.

Para o local foram mobilizados o Regimento de Sapadores Bombeiros e a Polícia Municipal.

Fonte da PSP informou à Lusa que às 17:00 o trânsito estava muito condicionado no sentido descendente da Calçada de Carriche (Lisboa - Odivelas), depois de uma árvore ter caído perto do posto de combustível da BP e de ter ocorrido um acidente que envolveu veículos ligeiros.

Também esta tarde, já no concelho de Cascais, na Grande Lisboa, o vento danificou hoje parte da cobertura de um pavilhão da Escola Básica e Secundária Matilde Rosa Araújo, em São Domingos de Rana, provocando ferimentos ligeiros em dois alunos, assistidos no local, informou à Lusa fonte da Proteção Civil de Cascais.

Segundo uma fonte do Serviço Municipal de Proteção Civil, o vento forte que se fez sentir cerca das 15:00 danificou "uma pequena parte da cobertura de um pavilhão" da escola.

Os materiais da cobertura caíram junto de dois alunos, provocando-lhes ferimentos ligeiros, e ambos foram assistidos no local pelos bombeiros da Parede.

De acordo com Fátima Fernandes, da Escola Básica e Secundária Matilde Rosa Araújo, devido ao vento "voaram uma ou duas placas da cobertura de um pavilhão, dos cinco existentes no estabelecimento de ensino.

Os dois alunos do 5.º e 6.º anos, com cerca de 10 anos, foram atingidos por detritos da cobertura, sofrendo ligeiros ferimentos num ombro e na cabeça, mas foram assistidos numa ambulância dos bombeiros e levados pelos pais para casa, explicou a mesma fonte.

Os alunos encontravam-se no exterior do pavilhão quando foram atingidos pelos destroços da cobertura do pavilhão, que segundo Fátima Fernandes deverá ser reparada no sábado.

Ainda na Grande Lisboa, no município de Sintra, uma árvore de grande porte caiu pelas 16:00 na urbanização da Quinta da Samaritana, em Belas, provocando danos em duas viaturas, informou fonte oficial da autarquia.

Uma fonte da Câmara de Sintra referiu que a acácia de grande porte caiu devido ao forte vento, danificando dois automóveis que se encontravam estacionados no local, mas não se registaram quaisquer danos pessoais.

No local estiveram elementos do Serviço Municipal de Proteção Civil de Sintra, dos Bombeiros Voluntários de Belas e da União de Freguesias de Queluz e Belas.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.