As respostas já recebidas representam informação estatística sobre mais de cinco milhões de pessoas e a maioria (92%) foi dada através da Internet em censos2021.ine.pt.

As regiões que deram mais respostas foram a Madeira (64%) e Açores (61%), com as regiões que receberam mais cartas, Norte e Centro, a responderem na proporção de 57%.

Durante a primeira semana de recolha, o INE recebeu entre 200.000 e 500.000 respostas por dia e no segundo dia já mais de um milhão de alojamentos tinha entregado os seus dados para o Censos.

O INE regista que, nos dias úteis, o número médio de respostas vai aumentando ao longo da manhã até às 12:00, com 25.000 respostas por hora, abranda à hora de almoço e volta a aumentar durante a tarde e noite.

A operação Censos 2021 realiza-se preferencialmente pela Internet e as respostas devem ser dadas até 03 de maio.

Os recenseadores, que cumprem protocolos de segurança específicos por causa da pandemia da covid-19, farão uma segunda ronda em meados de maio pelos alojamentos que ainda não tenham respondido.

Além da Internet, as respostas podem ser dadas por telefone ou nos e-balcões das juntas de freguesia.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.