“Queria agradecer em nome da cidade do Porto o facto de se ter lembrado de fazer esta homenagem da seleção nacional aqui”, afirmou Rui Moreira no início da cerimónia.

O autarca lembrou as “muitas pessoas do Porto que viveram com emoção” a “grande vitória em França” da seleção e destacou os “muitos portuenses, muitas pessoas do Norte que estavam desesperadas para ter a possibilidade de ver a taça” e também de cumprimentar os hoje homenageados jogadores.

“Essa sua sensibilidade, senhor Presidente da República, muito lhe agradeço”, frisou.

Rui Moreira aproveitou ainda para agradecer ao presidente da federação portuguesa de futebol “pelas escolhas que tem feito” e que “muito contribuíram para esta extraordinária vitória”.

Aos jogadores, o presidente da Câmara do Porto deixou também uma palavra: “Esta taça que olhamos e que chamamos nossa (…) é antes de mais vossa”.

O presidente da República cumpriu hoje a promessa feita em julho à seleção nacional de futebol e deslocou-se à câmara do Porto para a imposição das insígnias.

Já em julho um adepto da seleção nacional criou uma petição pública online para “ver a Selecção e a Taça no Porto”.

O criador da petição, e também autor da página de Facebook “Porto a melhor cidade do País”, explicou então à Lusa que perante a “enorme interação da população portuense às publicações referentes à seleção Nacional” achou “injusto não premiar este fiel povo”.

Na petição, que ainda está disponível e que contava às 18:30 de hoje com 16.188 assinaturas, pode ler-se que a cidade do Porto “merece este reconhecimento” e que “existem dois milhões de portugueses que querem ver a seleção e a taça no Porto”.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.