O vogal da Educação e Juventude da Junta de Freguesia de Alvalade, Ricardo Varela (CDU), confirmou à agência Lusa que a "escola esteve encerrada ontem [quarta-feira], e foi pedido aos para irem recolher as crianças".

"As coberturas dos monoblocos onde estão instaladas as crianças soltaram-se, situação que levou a que fossem suspensas as aulas", explicou.

A escola manteve-se "encerrada hoje, e pelo menos amanhã [sexta-feira] também estará", elencou o autarca.

Os alunos estão a ter aulas em monoblocos porque "a escola está a ser intervencionada já desde o início do ano letivo passado", continuou Ricardo Varela, acrescentando que "não foi criada qualquer tipo de alternativa" para os alunos poderem continuar a ter aulas nestes dias.

Uma vez que a "requalificação da escola está a ser feita por partes, mesmo que se tentasse encontrar uma solução na escola seria difícil", apontou o vogal da junta.

Fonte do gabinete do vereador da Educação da Câmara Municipal de Lisboa disse à Lusa que foi feita uma "avaliação técnica" e que foi pedido aos pais para não levarem as crianças à escola por forma a ser possível "fazer a substituição da cobertura em segurança", trabalhos que "começaram hoje".

Esta paragem envolve sete turmas, e cerca de 170 alunos.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.