Num comunicado conjunto, os três municípios da Grande Lisboa informam que vão discutir e votar esta semana um protocolo de cooperação para a execução do projeto.

“O protocolo, que é votado esta semana nas diferentes reuniões de câmara, tem por objetivo o estudo, o planeamento e a forma de concretização do projeto ‘LIOS, Linha Intermodal Sustentável’ nas suas várias vertentes técnicas, ambientais, financeiras e operacionais até ao momento de lançamento da empreitada da linha”, é explicado na nota.

A nova linha terá uma extensão de cerca de 24,4 quilómetros e fará as ligações entre Cruz Quebrada (Oeiras) e Alcântara (Lisboa) e entre Santa Apolónia (Lisboa) e Sacavém (Loures).

“Os municípios pretendem assegurar uma ligação rápida e estruturante de transporte público pesado entre as respetivas zonas ribeirinhas e os principais interfaces em Lisboa, por forma a melhorar a conectividade dos seus territórios e implementar novos corredores de transporte coletivo assentes na extensão da linha de elétrico 15, atualmente explorada pela Carris”, apontam as autarquia.

A nota adianta ainda que o projeto está a ser desenvolvido em articulação com o Governo no âmbito de “um conjunto mais vasto de investimentos em infraestruturas de transporte na Área Metropolitana de Lisboa”, para fomento da coesão territorial.

“Os municípios entendem ainda que deve ser explorada a viabilidade de implementar, sempre que possível, corredores dedicados a modos ativos, pedonal e em bicicleta, paralelos aos corredores de transporte público estruturante que vierem a ser implementados”, defendem.

O investimento estimado para esta infraestrutura, incluindo o parque de material e oficinas e o material circulante, é de cerca de 490 milhões de euros.

A intenção de ligar o concelho de Oeiras ao de Loures através de um metro de superfície, atravessando a capital, já tinha sido anunciada pelo presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, em abril de 2019.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.