Os contratos assinados com instituições dos concelhos de Alcochete e da Moita, no distrito de Setúbal, preveem a criação de 84 novos lugares de creche no concelho da Moita e 42 no concelho de Alcochete, no âmbito do programa PARES (Programa de Alargamento da Rede de Equipamentos Sociais), para a criação de um total de 3.500 lugares de creche em todo o país.

“Nós hoje assinámos contratos para mais 126 novos lugares em creches, no âmbito do programa para alargamento da rede de creches no país. Com estes contratos assinados hoje, temos até ao momento 61 contratos assinados para intervenção em 3.500 lugares de creche”, disse Ana Mendes Godinho, lembrando que o investimento global é de 40 milhões de euros, sendo 21 milhões de euros de financiamento público e o valor remanescente da responsabilidade das Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS).

“Isto faz parte do nosso grande objetivo de alargamento da rede de creches para promovermos, também aqui, a capacidade de resposta às necessidades das famílias em todo o país”, acrescentou a ministra.

Ana Mendes Godinho salientou ainda que o Governo vai lançar este mês um aviso, no âmbito do PRR (Programa de Recuperação e Resiliência), para equipamentos sociais, outro para novos acordos de cooperação, com o objetivo de alargar a rede de equipamentos de rede de creches, e que está  a trabalhar na simplificação do licenciamento dos equipamentos sociais.

Segundo Ana Mendes Godinho, o aviso no âmbito de PRR visa a criação de mais 6.500 lugares de creche em todo o país, a juntar aos 3.500 já contratualizados, de forma a garantir que haja um total de mais 10.000 novos lugares de creche disponíveis no final do próximo ano de 2022.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.