"Estamos destroçados por dar a notícia de que Joey Jordison, baterista, músico e artista prolífero morreu no sono a 26 de junho de 2021. Ele tinha 46 anos", anunciou a família em comunicado, citado pela revista Variety. Não foi revelada a causa de morte.

Jordison foi um dos membros fundadores dos Slipknot, banda norte-americana que se viria a tornar numa das mais famosas do mundo dentro do universo da música rock e metal.

Surgindo de rompante nos anos 90, a banda de Des Moines, no estado do Iowa, celebrizou-se pela junção de uma estética pesada — em que todos os seus elementos usavam máscaras perturbadoras — e um estilo de música que misturava metal com alguns elementos de rock e hip-hop.

Jordison era um dos elementos mais proeminentes da banda e foi um dos três fundadores, a par do percussionista Shawn Crahan e do baixista Paul Gray, que também perdeu a vida, em 2010.

Foi quando a banda se tornou num conjunto de nove elementos que tomou o mundo da música pesada de assalto, com álbuns como "Slipknot", "Iowa" e "Vol. 3: (The Subliminal Verses)", sendo que Joey Jordison foi um dos principais compositores.

O baterista, todavia, abandonou os Slipknot em 2013 em circunstâncias que nunca foram reveladas, não tendo havido um comunicado oficial e tendo o baterista revelado apenas que não foi uma saída voluntária. A banda ainda não se pronunciou quanto à morte do seu ex-membro.

"A morte do Joey deixou-nos com o coração vazio e sentimentos de perda indescritível. Para aqueles que conheciam o Joey, conheciam a sua perspicácia, a sua personalidade gentil, o seu coração gigante e o seu amor por tudo o que era família e música. Pedimos para que os amigos, fãs e meios de comunicação compreensivelmente respeitem a nossa necessidade de privacidade e paz nesta altura incrivelmente difícil", lê-se no comunicado.

Depois de abandonar os Slipknot, Jordison lançou-se em vários projetos, tendo formado as bandas Scar the Martyr, Vimic e Sinsaenum.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.