De acordo com a imprensa francesa, Fabien Clain morreu num bombardeamento em Baguz, um dos últimos bastiões do autoproclamada Estado Islâmico na Síria, e o irmão Jean-Michel Clain ficou ferido com gravidade.

A França tinha emitido um mandado internacional de busca e captura contra os dois irmãos, tendo estes sido detetados na região este da Síria.

Fabien Clain assumiu, em nome do Estado Islâmico, a autoria dos atentados ocorridos a 13 de novembro de 2015 em Paris e nos quais morreram 130 pessoas.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.