As fotos, tiradas no último domingo, mostram mais de 40 veículos posicionados no campo de treino localizado próximo ao aeroporto de Mirim, no sudeste da capital norte-coreana.

Essas instalações são normalmente utilizadas para ensaiar os desfiles que acontecem no centro de Pyongyang, uma vez que reproduzem as dimensões da famosa praça Kim Il-sung, onde acontecem normalmente os desfiles militares.

Na maioria das vezes, a Coreia do Norte não informa esses desfiles com antecedência, mas os preparativos em Mirim, que está ocupado há meses, geralmente são visíveis do espaço.

Tudo indica que se trata dos preparativos para o dia 10 de outubro, quando o regime norte-coreano comemora 75 anos de fundação do Partido dos Trabalhadores.

A maioria dos especialistas supõe que Pyongyang mostrará os novos recursos do seu programa de mísseis.

Nas fotos vê-se nove veículos mais longos, “provavelmente são vários lançadores de foguetes”, de acordo com o portal 38North.

A análise divulgada hoje pela 38North considera que o que se vê nas imagens é apenas uma fração dos ativos que devem desfilar em Pyongyang em 10 de outubro.

Outras fotos tiradas no centro de Pyongyang no domingo mostram preparativos claros na própria praça Kim Il-sung e obras na ponte Okryu, que veículos militares usam para ir de Mirim até a praça.

De qualquer forma, as imagens não revelam em nenhum momento a presença de plataformas móveis elevadoras (TEL) de mísseis no campo de Mirim.

Muitos especialistas acreditam que Pyongyang poderia revelar novos TEL neste desfile, algo que, se cumprido, confirmaria os avanços que a Coreia do Norte continua a adicionar aos seus programas de armas de destruição, apesar de ter iniciado negociações de desnuclearização com os Estados Unidos em 2018.

Esse diálogo, no entanto, está paralisado desde a cimeira fracassada de fevereiro de 2019 em Hanói, onde Washington rejeitou a oferta do regime de desarmamento e levantamento das sanções.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.