Bater ou mesmo empurrar uma criança é agora considerado agressão, segundo uma lei que entrou hoje em vigor.

Uma bofetada era anteriormente tolerada se representasse uma “punição razoável”, como ainda é o caso em Inglaterra e na Irlanda do Norte.

A avaliação da palavra “razoável” depende de fatores como a marca deixada pelo castigo.

Mais de 60 países no mundo dispõem de leis contra qualquer punição física contra as crianças.

A Convenção das Nações Unidas sobre os Direitos da Criança preconiza que as crianças devem ser protegidas de agressões físicas e psicológicas.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.