O gabinete de imprensa do Vaticano comunicou hoje o pedido do pontífice para que a Virgem ponha a igreja “sob o seu manto protetor, e a proteja dos ataques do maligno, o grande acusador, e a faça mais consciente da culpa, dos erros, dos abusos cometidos no presente e no passado e se empenhe em combater, sem vacilar, para que o mal não se imponha”.

Numa nota explicou que antes de viajar para os países bálticos, na semana passada, Francisco se reuniu com o diretor internacional da Rede Mundial de Oração, Frederic Fornos, que lhe pediu para difundir aos fiéis de todo o mundo esta mensagem.

O papa argentino também pede que o rosário termine com uma oração de proteção escrita pelo papa Leão XIII dedicada ao arcanjo São Miguel.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.