“Não esqueçamos que este domingo haverá debate entre candidatos. Na primeira ocasião, há duas semanas, realizou-se um que provocou comoção”, comenta Fidel Castro num artigo publicado hoje nos media estatais cubanos.

“O senhor Trump, que se supunha ser um especialista capacitado ficou desqualificado, tanto ele como Barack [Obama] com a sua política. Há que atribuir-lhes agora uma medalha de barro”, escreve Fidel no seu artigo, a que deu o título: “Um destino incerto para a espécie humana”.

Fidel Castro afirma que os Estados Unidos, “o país imperialista mais poderoso que alguma vez existiu”, “engana-se a si próprio” ao assumir como doutrina um parágrafo da Declaração Universal dos Direitos Humanos: “Todos os homens nascem livres e iguais em dignidade e direitos. São dotados de razão e consciência e devem agir em relação uns aos outros com espírito de fraternidade”.

Fidel Castro, que tem agora 90 anos de idade e se retirou do poder em 2006, tem-se dedicado a escrever artigos em que aborda assuntos políticos, a sua especialidade, mas também outros relacionados com as suas leituras e pensamentos sobre temas científicos.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.