Horas depois de Portas ter estado a apoiar os candidatos do partido no distrito de Aveiro, onde foi candidato por seis vezes e é agora mandatário da candidatura centrista, liderada por João Almeida, Cristas afirmou aos jornalistas, em Miranda do Douro, Bragança, já ter combinado com o ex-vice-primeiro-ministro, que tem “uma agenda muito, muito complicada”, a sua entrada na campanha, faltando definir a data.

A atual presidente acrescentou que a presença de Portas numa ação de campanha para as legislativas prova que, no partido, “todos estão a trabalhar no mesmo sentido”.

A entrada de Paulo Portas na campanha significa que os militantes centristas estão a desmultiplicar-se “para conseguir o melhor resultado possível” nas eleições de 06 de outubro que, mais uma vez, Cristas não quantificou além desse “melhor resultado possível”.

Apesar de não ter conversado muito com ele, falou “o suficiente” para saber que todos estão “muito empenhados em ajudar” o CDS nas eleições.

Paulo Portas esteve presente na campanha das europeias de maio, discursou num jantar-comício em Cascais, Lisboa, e nestas legislativas é o mandatário da candidatura do CDS em Aveiro.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.