O ataque ocorreu esta manhã quando uma bomba colocada na via ferroviária explodiu à passagem do comboio, causando o descarrilamento de sete carruagens na zona de Ravi, adiantou o porta-voz do Ministério das Ferrovias, Ali Nawaz Malik, em declarações à agência espanhola Efe.

Ali Nawaz Malik disse que três pessoas morreram e que sete ficaram feridas, tendo sido transportadas para o hospital.

O comboio fazia o trajeto entre Rawalpindi, cidade vizinha de Islamabad, e Quetta, a capital da província do Baluchistão.

Até ao momento, nenhum grupo assumiu a responsabilidade pelo ataque, embora no passado grupos insurgentes que reclamavam a independência da província do Paquistão tenham levado a cabo ataques semelhantes.

Em 2016, quatro pessoas morreram e 16 ficaram feridas num ataque contra um comboio na mesma região.

O Baluchistão é uma das áreas mais problemáticas do Paquistão, com a presença de grupos separatistas armados, fações talibãs e grupos jihadistas.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.