“Não partimos do princípio que se trate de um ato de violência terrorista”, disse o porta-voz da polícia local, Fritz Bezikofer, ao canal de televisão NTV.

Segundo a polícia alemã, o autor do tiroteio é um homem de 34 anos de origem iraquiana.
O homem matou a tiro uma pessoa e feriu outras três gravemente no interior da discoteca e, posteriormente, feriu um polícia antes de ser morto pelas forças de segurança, informou a polícia alemã num comunicado.

As autoridades policiais não souberam explicar as razões do tiroteio, que aconteceu por volta das 04:30 horas locais (03:30 horas em Lisboa), numa discoteca situada na zona industrial da cidade de Constance, no sul do país, que fica próxima da Suíça.

“As motivações deste homem, que agiu, provavelmente sozinho, não são conhecidas até ao momento”, sublinha o comunicado da polícia.

Os tiros criaram um pânico generalizado, muitos clientes fugiram do local e outros tentaram esconder-se no interior do estabelecimento.

As forças de segurança foram deslocadas para o local com unidades de intervenção especial e um helicóptero, temendo que pudesse haver mais atiradores.

O homem que abriu fogo dentro da discoteca "foi atingido pouco depois de sair do local, após uma troca de tiros com a polícia, tendo morrido na sequência dos ferimentos no hospital”, de acordo com o mesmo comunicado.

O polícia ferido na ocasião “não corre perigo” de vida, segundo a nota da polícia alemã.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.