Segundo nota enviada às redações por parte dos gabinetes da Ministra de Estado e da Presidência e do Ministro da Administração Interna, Portugal recebeu ontem 42 refugiados provenientes da Turquia — 24 cidadãos iraquianos e 18 sírios, que correspondem a oito agregados familiares.

Destes 42 refugiados, 32 vão ser acolhidos em Loures e 10 em Lisboa.

"Note-se que todos esses cidadãos beneficiam do Estatuto de Refugiado concedido por despacho do Ministro da Administração interna, sendo titulares de uma Declaração comprovativa do Estatuto de Proteção Internacional emitida nesta data enquanto aguardam a emissão do Titulo de Residência para Refugiado, nos termos da Lei de Asilo", diz o comunicado.

"O acolhimento e a integração das pessoas refugiadas têm sido uma prioridade do Governo, num esforço contínuo que envolve Estado central e autarquias locais, bem como entidades públicas e privadas, e que tem sido reconhecido pelas Nações Unidas, pela Organização Internacional das Migrações, pela União Europeia e pelo Conselho da Europa", é referido.

No total, o país já recebeu 620 pessoas no âmbito do Programa Voluntário de Reinstalação do ACNUR.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.