Rui Rio falava aos jornalistas, em Lisboa, depois se ter reunido com o Presidente de Angola, João Lourenço, que se encontra em visita oficial a Portugal até sábado.

O líder social-democrata disse ter voltado a afirmar a João Lourenço, “a disponibilidade completa do PSD para, naquilo que puder ser útil, ajudar ao relacionamento entre Portugal e Angola”, tal como já tinha feito em junho último, quando se reuniu com o Presidente angolano, em Luanda.

Rui Rio referiu que o relacionamento entre os dois Estados “teve uns momentos" de "um pouco mais de dificuldade”, no passado, “mas, que, agora, foi completamente relançando”.

O presidente do PSD qualificou como “extraordinariamente positivo” para os dois países um bom relacionamento, referindo que Portugal faz parte há 30 anos da União Europeia.

Portugal tem uma “vocação atlântica histórica” e, portanto, “tudo aquilo que seja o estreitar os laços entre esses mesmos países atlânticos é absolutamente vital e importante”, disse.

“O PSD está totalmente disponível para ajudar naquilo que puder ser”, rematou.

A visita de Estado de João Lourenço, iniciada na quinta-feira, é a primeira do género de um Presidente angolano a Portugal desde 2009, e envolveu a assinatura de 13 acordos entre os dois governos.

João Lourenço anunciou que o chefe de Estado português, Marcelo Rebelo de Sousa, visitará Angola em 2019.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.