O diploma promulgado pelo chefe de Estado emanou da Assembleia da República, que em julho aprovou a criação da Ordem dos Fisioterapeutas, com os votos a favor do PS, PAN e CDS e a abstenção do PSD, BE, PCP e PEV.

A constituição da ordem foi reprovada, em 2017, pelo Conselho Nacional das Ordens Profissionais, que considerou que as ordens têm uma legislação própria e só se justificam em “circunstâncias excecionais, que devem ser explicadas”.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.