Numa nota enviada às redações lê-se que os socialistas açorianos expressam "as mais sentidas condolências à família" do deputado, "amigos e ao grupo parlamentar do Partido Social-Democrata", referindo que "o parlamento açoriano ficou a perder com o desaparecimento de Paulo Parece, um açoriano empenhado e que muito contribuiu para o desenvolvimento da sua região".

O deputado social-democrata à Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores, eleito por Santa Maria, morreu aos 51 anos.

Militante do PSD/Açores, Paulo Parece era deputado na Assembleia Legislativa dos Açores desde 2014, eleito pela ilha de Santa Maria, e foi presidente da Assembleia Municipal de Vila do Porto entre 2009 e 2017.

Era ainda o presidente da Comissão Política de Ilha de Santa Maria do partido, segundo a nota do PSD.

O gabinete da presidência da Assembleia Legislativa da Região informou hoje que "a agenda parlamentar prevista para os próximos dias foi cancelada".

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.