Cinco polícias e dois técnicos sem funções policiais estão infetados com covid-19 e uma esquadra no concelho de Vila Nova de Gaia está encerrada, revelou hoje a Polícia de Segurança Pública.

Em comunicado, a direção nacional da PSP especifica que, até ao momento, há a confirmação de sete profissionais (cinco polícias e dois técnico sem funções policiais) infetados com o novo coronavírus e cerca de 250 elementos desta polícia estão em quarentena.

Esta força de segurança dá conta que “foram contagiadas fora do contexto profissional” e que foram seguidos os protocolos em vigor, tendo sido de “imediato encaminhadas para isolamento” as pessoas que mantiveram contato direto ou partilharam o mesmo espaço de trabalho com os infetados.

Segundo a PSP, 11 polícias foram sujeitos a testes médicos, após apresentarem sintomas, e os resultados foram negativos.

Esta força de segurança acrescenta que a Esquadra de Segurança Ferroviária – Devesas, em Vila Nova de Gaia, está temporariamente encerrada, uma vez que um polícia desta instalação policial está infetado com o covid-19 e todos os outros 20 polícias que mantiveram contato direto com o agente infetado entraram em isolamento imediato até conhecimento dos resultados dos testes epidemiológicos.

A PSP refere a situação da esquadra será reanalisada após conhecidos os respetivo resultados, sublinhando que a área de responsabilidade desta esquadra encontra-se a ser patrulhada por outras subunidades para garantir a continuidade da segurança.

 Esta força de segurança indica também que já difundiu a todos os polícias instruções de intervenção e os preceitos legais que estão em vigor durante o estado de emergência que se vive no país.

A PSP realça que, até ao momento, prestou apoio a cerca de 600 cidadãos em quarentena e a nove pessoas que se encontram em confinamento na respetiva residência por se encontrarem infetados com o covid-19.

A PSP apela ainda a todos os cidadãos para que cumpram as disposições legais e as indicações da polícia, contribuindo para a redução do número de pessoas infetadas e difusão de redes de contágio.

O número de mortes associado à covid-19 subiu para as 23 e os casos de infeção são 2060, mais 460 que no domingo, segundo o boletim epidemiológico da DGS divulgado ao final da manhã.

Portugal está em estado de emergência desde as 00:00 de quinta-feira, até às 23:59 de 02 de abril, e compete às forças e serviços de segurança fiscalizar as medidas previstas.

Newsletter

As notí­cias não escolhem hora, mas o seu tempo é precioso. O SAPO 24 leva ao seu email a informação que realmente importa comentada pelos nossos cronistas.

Notificações

Porque as noticias não escolhem hora e o seu tempo é precioso.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.