De acordo com Fábio Castro, do Núcleo de Relações Públicas da PSP da Madeira, “trata-se de uma granada de instrução que já foi desmontada e vai ser destruída de forma segura num sítio apropriado”.

O engenho foi detetado “por um cidadão, num terreno anexo a uma residência devoluta” na freguesia de São Gonçalo, na parte leste do Funchal, adiantou o responsável da PSP.

Fábio Castro assegurou que a granada “já não oferece qualquer perigo”, referindo, sem especificar, que no local esteve “um efetivo considerado necessário para a resolução da ocorrência”.

Nesta ação estiveram envolvidos elementos da Equipa de Inativação de Engenhos Explosivos e Segurança no Subsolo da Unidade Especial de Polícia e da Equipa de Intervenção Rápida para garantir “um perímetro de segurança na zona”, realçou.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.