“Ninguém melhor do que Daniel Goleman, que é um dez mais influentes pensadores empresariais no mundo, para vir falar e nos dar algumas vias para enfrentarmos este desafio permanente do excesso comunicacional que vivemos”, avançou à Lusa Rui Ribeiro, presidente executivo da consultora que organiza o QSP Summit, referindo que Goleman está a trabalhar no sentido de apresentar algumas “soluções e algumas respostas ao desafio de gerir a atividade profissional”.

“Vivemos num mundo rodeado de ruído, de ruído comunicacional, inclusive através das redes sociais (…), e hoje em dia torna-se muito importante saber estar emocionalmente, saber gerir as emoções, saber o nosso autoconhecimento, a autogestão, a nossa consciencialização social, a gestão de relacionamentos, todos estes temas hoje são muito importantes para ultrapassar todo este ruído que vivemos e gerirmos bem a nossa vida, quer nas empresas, quer na nossa vida pessoal”, considerou Rui Ribeiro.

Goleman vai fazer duas intervenções na quinta-feira, a primeira, pelas 09:30, onde vai abordar o tema da inteligência emocional, e a segunda intervenção, pelas 14:15 no espaço ‘Thinkers Hall’, e moderado por Isabel Barros, onde vai falar de ‘Focus’ e de como focar na vida e na atividade para obter os “melhores resultados”, explicou o presidente executivo do evento.

A 12.ª edição da QSP Summmit, que este ano tem um custo na ordem de um milhão de euros e que vai decorrer na Exponor, em Matosinhos, arrancando com a conferência de Daniel Goleman, vai também contar com Bob Goffee, professor de comportamento organizacional na London Business School, Steve Knight, professor de desenvolvimento pessoal do INSEAD Business School (Austrália), Bonin Bough, apresentador na NBC e autor do TXT Me e Tamara McCleary, consultora de empresas nos EUA, entre as quais a Amazon.

A 12.ª edição da QSP Summit está “prestes a esgotar”, segundo a organização, sendo aguardados 1.700 conferencistas, um “número recorde” desde a primeira edição, avança à Lusa Rui Ribeiro, considerando que este número é a “afirmação de que a QSP Summit é uma das “melhores conferências da Europa em marketing de gestão”.

O custo para organizar a QSP Summit é “elevadíssimo”, classificou a organização, que avançou à Lusa que vai chegar “quase a um milhão de euros”.

O investimento é “maioritariamente suportado por empresas privadas, através dos seus patrocínios e da aquisição de passes, e este ano, o ‘main sponsor’ é o Continente, do grupo Sonae, entrando pela primeira vez o Turismo de Portugal e o Turismo do Porto e Norte de Portugal, acrescentou a mesma fonte.

O evento surgiu há 12 anos da necessidade do gestor e das empresas portuguesas refletirem sobre temas de gestão e marketing, esclareceu Rui Ribeiro, explicando que a escolha do tema “O Desafio” prende-se com a “dificuldade que todos os gestores hoje sentem nas diversas solicitações de canais de comunicação que existem, desde email, mobile, Messenger”.

Porque o seu tempo é precioso.

Subscreva a newsletter do SAPO 24.

Porque as notícias não escolhem hora.

Ative as notificações do SAPO 24.

Saiba sempre do que se fala.

Siga o SAPO 24 nas redes sociais. Use a #SAPO24 nas suas publicações.